Diferença entre as versões do Google Chrome

versão do google chrome

Vejo muita gente reclamar do Google Chrome. Reclama que ele fecha sozinho, tem muitos bugs e por aí vai. Mas nesse meio tem muita gente que nem sabe qual versão do Chrome estão a utilizar.

Geralmente, a pessoa tem o seu primeiro contato com a versão stable do Google Chrome. Acontece que muitos sites disponibilizam versões beta como se estivessem prontas para o uso final. A pessoa, então, baixa, instala e utiliza.

Vejo isso sempre no Fórum do Google Chrome. As maioria dos que reclamam de alguma coisa estão utilizando as versões beta ou em desenvolvimento. Já falei aqui sobre o Firefox, onde muitos andam reclamando dos problemas da versão 4 beta, sem saber que ela ainda está em desenvolvimento.

Se você quer saber qual é a versão do Chrome que usa é muito simples. Abra o navegador e vá em Ferramentas (ícone) – Sobre Google Chrome. Você verá os créditos do navegador, algo parecido com a imagem abaixo:

diferênças entre a versões do google chrome

Note os nomes das versões ao lado do número. Se no seu caso não aparecer nenhum nome, quer dizer que sua versão é a stable (estável).

Diferenças entre as versões do Chrome

Stable – É voltada para usuários comuns como eu e você. Nela estão todos os recursos que foram testados em versões em desenvolvimento e que foram aprovadas como seguras e funcionais pelo time de desenvimento do Chrome. Dificilmente, essa versão trava.

Beta – A versão beta é voltado para usuários que queiram testar novas funcionalidades do navegador e que tenham ciência que estão utilizando um navegador instável. Todos os seus novos recursos estão prestes a serem implantados na versão stable.

Dev – Essa é uma versão voltada para desenvolvedores e usuários que queiram testar os recursos recém-chegados ao Chrome. Não é recomendado o seu uso como navegador padrão por ser muito instável. O que vale é testar seus novos recursos que depois serão passados para a versão beta.

Canary Build – Essa é a mais perigosa de todas! A própria Google alerta para o seu uso e diz que não se deve navegar seriamente por ele. A empresa até desabilitou a opção de torná-lo navegador padrão para não ter problemas. Nessa versão são lançados os novos recursos, praticamente, sem nenhum teste. Portanto, muito cuidado!

Caso queira testar uma das versões, entre no site The Chromium Projects. Lá você pode escolher a sua versão de acordo com o seu sistema operacinal (Windows, Mac e Linux). Lembrando que não é possível manter as versões Stable, Beta e Dev instaladas ao mesmo tempo. Isso só é possível com o Canary Build.